Papeis de financeiras e no longo prazo oferecem rentabilidade mais alta

Regina Pitoscia

27 de setembro de 2019 | 01h14

Na garimpagem de aplicações em renda fixa mais rentáveis, em cenário de juros rasteiros com uma Selic de 5,5% ao ano, uma pista é observar os papeis emitidos por financeiras, como as Letras de Câmbio (LC) e os Recibos de Depósito Bancários (RDB).

Essa é a orientação de Bernardo Pascowitch, diretor-executivo da Yubb (www.yubb.com.br), uma fintech que reúne em sua plataforma mais de 2.100 opções de investimentos em títulos de renda fixa e fundos de investimentos, todas atualizadas em tempo real. Quer dizer, assim que são oferecidas pelo mercado, as opções são informadas no portal ao aplicador.

Como não dispõem de amplas redes para comercializar seus títulos, nem são tão conhecidas, as financeiras precisam caprichar na remuneração oferecida para atrair o investidor. “Nesse momento de Selic mais baixa, vale a pena procurar por instituições financeiras menores, como financeiras, por oferecerem rentabilidade superior”, afirma Pascowitch.

Tanto é que entre as 10 alternativas mais rentáveis pelo prazo de 3 anos e para valores de até R$ 10 mil, relacionadas abaixo, 6 são ofertadas por financeiras. Todas pagando mais do que 6,0% líquidos ao ano, já considerando o desconto do imposto de renda.

E para quem fica com um pé atrás por amarrar seu dinheiro a uma instituição financeira que não conta com o mesmo grau de credibilidade que os grandes e tradicionais bancos, o diretor lembra que os papeis emitidos pelas financeiras também são garantidos pelo Fundo Garantidor de Crédito até R$ 250 mil, por titular e CPF. Ou seja, existe uma camada de segurança nesses títulos mais rentáveis, porque em caso de quebra da financeira, o fundo garante o ressarcimento dentro desses parâmetros.

Além da natureza do emissor do papel, o prazo para a aplicação pode ser outra indicação para encontrar a remuneração mais interessante nos papeis de renda fixa. Nas opções selecionadas, o prazo é de 36 meses, mas quando o investidor puder empregar o dinheiro por mais tempo, será possível encontrar rendimento mais alto, segundo o executivo. “Por isso, planejar os investimentos para longo prazo será fundamental, porque quanto maior o prazo, maior a rentabilidade”, afirma ele.

No prazo mais longo, o investidor também tem o benefício de menor desconto de imposto de renda. Para aplicações de até 180 dias (6 meses), a fisgada do Leão será de 22,5%, e acima disso e até 360 dias, de 20%. Lembrando que para aplicações inferiores a 30 dias há ainda a cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras, o IOF.

O risco de assumir uma posição por prazos mais dilatados é o da inflação subir e, junto com ela, também as taxas de juros. Nesse caso, a remuneração oferecida agora por esses papeis terá sido engolida pela inflação sem poder ser trocada pelos juros mais altos correntes.

Mas na atual conjuntura, dentro do segmento de renda fixa, ou é assumir esse risco ou aceitar um retorno bem mais baixo, de 0,32% ao mês, ou 3,85%, pago pela caderneta de poupança. Com ela o dinheiro fica livre a cada mês e pode ser remanejado para aplicações que forem mais convenientes de acordo com eventuais mudanças no mercado.

Quem estiver disposto a uma exposição maior ao risco na renda variável encontrará nos fundos de ações, multimercado e imobiliário, opções que acenam com rentabilidade mais encorpada.

                           Os mais rentáveis –  3 anos

Emissor/tipo                Plataforma          Rend.líq. a.a        Valor mínimo R$

Avista Financ.(RDB)       Avista Financ                 6,64%                          1 mil

Agoracred F.(LC)             Órama                              6,56%                          3 mil

Avista Financ.(LC)          Avista Fin.                       6,51%                           1 mil

Avista Financ.(LC)          Rico Inv.                          6,30%                         10 mil

Bco Arbi (CDB)                Órama                              6,30 %                          5 mil

BRK Fin.(LC)                   Órama                              6,30%                           5 mil

NBC (CDB)                       Órama                              6,26%                           3 mil

Portocred Fin.(LC)         Órama                              6,24%                          10 mil

Omni Bco(CDB)              XP Inv.                             6,09%                         10 mil

C6Bank(CDB)                  XP Inv.                             6,09%                         10 mil

Fonte: Yubb