Natal mais barato do Brasil atrai milhões à Rua 25 de Março
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Natal mais barato do Brasil atrai milhões à Rua 25 de Março

Operações especiais da Companhia de Engenharia de Tráfego e da Polícia Militar foram montadas para facilitar o trânsito e dar segurança aos consumidores na região

Economia & Negócios

19 Dezembro 2014 | 20h05

Movimento intenso na rua 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Larissa Fafá
O ESTADO DE S. PAULO

O movimento na região da Rua 25 de Março, em São Paulo, maior centro de comércio popular do País, fica cada vez mais intenso com a proximidade do Natal. Consumidores de várias partes do País e até do exterior chegam diariamente em busca de preços baixos.

Para facilitar o trânsito intenso de pedestres, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) iniciou a Operação Fim de Ano, com a interdição até o dia 24 de dezembro da Rua 25 de Março, entre a Rua Carlos de Souza Nazaré e a Ladeira Porto Geral, e também das ruas transversais, entre às 10h00 e 18h00, durante os dias de semana. Aos sábados e domingos, a interdição será entre às 10h00 16h00. Aos sábados, a Ladeira Porto Geral também fica fechada apenas para os pedestres.

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

A CET recomenda ao público dar preferência ao transporte público, não só pela oferta limitada de vagas de estacionamento, mas também pela quantidade de pessoas previstas para transitar pelas vias nos próximos dias.

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Segurança. Segundo a Polícia Militar, a Operação Papai Noel para aumentar a segurança na região terá reforço de 300 a 400 policiais nas regiões comerciais, inclusive na Rua 25 de Março. O reforço também será feito na Avenida Paulista, Rua José Paulino, Rua Oriente, Largo da Concórdia e as ruas do bairro de Santa Efigênia.

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

A Polícia Militar recomenda que os consumidores não andem sozinhos e utilizem preferencialmente  cheque ou cartão, para evitar carregar dinheiro, e manter atenção aos pertences pessoais podem evitar ocorrências.

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

 

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

 

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

 

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

 

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Movimento na 25 de Março, maior centro de comércio popular do País (Wherter Santana/Estadão)

Leia também:

As melhores árvores de Natal de 2014

As melhores imagens de Papai Noel modelo 2014

Papai Noel radical de tirolesa no Pão de Açúcar

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais conteúdo sobre:

Comércio popularRua 25 de Março