Porcos são soltos em supermercado durante protesto de produtores
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Porcos são soltos em supermercado durante protesto de produtores

Animais vivos foram expostos na seção de carne suína em manifestação contra os preços baixos; clientes do supermercado e defensores de animais não gostaram

Economia & Negócios

07 Fevereiro 2015 | 10h44

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Produtores de suínos da França encontraram uma forma inusitada de protestar contra a queda dos preços da carne. Eles soltaram dezenas de porcos na seção de carne suína de um supermercado em Rennes, no oeste do país.

Os produtores tomaram o cuidado de forrar o chão com palha e isolar o espaço para o protesto. Mesmo assim, muitos clientes não gostaram do incômodo.

Entidades de defesa dos animais também condenaram o protesto, considerando ‘uma crueldade’ a imagem dos porcos vivos diante dar carnes dos seus semelhantes embaladas para venda.

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)

Porcos foram soltos na seção de carne suína de supermercado em Rennes, na França (AFP)