Smartphones viram arma do varejo na guerra contra o comércio eletrônico
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Smartphones viram arma do varejo na guerra contra o comércio eletrônico

blogs

23 de maio de 2014 | 19h04

Para competir com o varejo virtual, as lojas físicas buscam novidades que facilitem a vida dos consumidores. Uma tecnologia usada por uma rede de varejo de Seattle, nos Estados Unidos, é um exemplo de como os celulares inteligentes podem ajudar na competição. As peças de vestuário ficam penduradas e o cliente aproxima o smartphone para obter mais informações sobre cores, modelos e tamanhos. Ele seleciona os pedidos com um simples toque e vai para o provador, onde encontra todas as roupas que escolheu. Se o cliente não gostar, ele coloca a peça em uma rampa e o item é automaticamente deletado do seu ‘carrinho de compras’ do celular. Ao terminar a escolha, basta concluir a operação de compra no celular e sair da loja sem passar pelo guichê. A presidente da Hointer, Nadia Shouraboura, diz que uma vez acostumados ao processo, os consumidores ficam ‘viciados’ à facilidade do novo sistema.  (Foto:AP)

Tudo o que sabemos sobre:

Comércio eletrônico

Tendências: