Cybercriminosos não desistem

Estadão

22 de maio de 2010 | 00h57

Esta semana recebi dois emails supostamente enviados pelo banco onde tenho conta corrente com avisos de “atualização de sistemas de proteção”. Pura tentativa de invasão do meu computador para roubar dados bancários. E o pior é que, mesmo sabendo que os criminosos virtuais não dão trégua e são cada vez mais inventivos, cheguei a ficar em dúvida se a mensagem era falsa. Afinal, toda vez que faço uma transação pelo internet banking peço para enviar um comprovante para  meu email. Ou seja, estou habituada a usar o email e a internet para me comunicar com meu banco. E é nisso que apostam os cybercriminosos.

Olha só a mensagem que quase me pegou. Eu não tenho o tal iToken, mas já tive, e foi isso que me deixou em dúvida. Não tem jeito, todo o cuidado é pouco.

“Seu dispositivo de segurança iToken necessita ser ATUALIZADO para que possa receber novas configurações. A versão 3.8.2 corrige falhas de dispositivo junto à comunicação com servidor de banco de dados. A ATUALIZAÇÃO é imprescindível e deverá ser realizada para que não ocorra o bloqueio automático
pelo nosso sistema.”

Bastante convincente, não?

Tudo o que sabemos sobre:

BancosCybercriminososfraude

Tendências: