Quanto dinheiro você deveria ter para não precisar mais trabalhar? Descubra

Quanto dinheiro você deveria ter para não precisar mais trabalhar? Descubra

Sílvio Guedes Crespo

09 Janeiro 2018 | 05h00

Se você quisesse parar de trabalhar hoje, quanto dinheiro deveria ter para conseguir se sustentar pelo resto da vida?

Estou adiantando aqui no Estadão alguns dados que apresentarei na minha próxima palestra online gratuita.

Antes de qualquer coisa, a resposta a essa pergunta depende de quanto você gostaria de poder gastar por mês, e durante quantos anos.

Por exemplo, se você quer gastar R$ 2.000 por mês e ficar sem trabalhar pelos próximos 35 anos, você deveria ter aproximadamente R$ 650 mil.

Caso você queira uma renda de R$ 5.000 mensais, precisaria ter uma reserva de R$ 1,6 milhão. Já se você quiser fazer retiradas de R$ 10 mil, deveria ter R$ 3,2 milhões, conforme a tabela abaixo.

Aqui estou considerando que você pegaria toda a sua reserva e investiria no Tesouro Selic, que é bastante rentável em comparação com outras aplicações conservadoras, como a poupança e os fundos de renda fixa.

Esses dados já descontam Imposto de Renda e taxas. Também descontei a inflação. Ou seja, estou considerando que você vai aumentando os seus gastos, mês a mês, de acordo com a inflação.

Também estou considerando o cenário econômico atual. Ou seja, se as coisas continuarem como estão pelos próximos 35 anos, essa é a reserva que você precisaria ter, caso queira gastar R$ 2.000, R$ 5.000 ou R$ 10 mil por mês.

Quando eu digo “se as coisas continuarem como estão”, me refiro à taxa básica de juros e à inflação. Mas claro, esses indicadores estão sempre mudando e o rumo exato deles é imprevisível. Portanto, o valor exato da reserva necessária é impossível de prever.

A ideia desses dados é dar um ponto de partida para quem está preocupado com a questão da aposentadoria.

E como fica o seu caso específico?

Talvez você esteja se fazendo perguntas como:

– Mas e se eu quiser uma renda diferente dessas que estão na tabela?

– E se eu quiser fazer retiradas não por 35 anos, mas por um período maior ou menor?

– E se eu não tenho como acumular uma reserva tão grande, tem solução?

– E se eu investir em outras aplicações, como dividendos, em vez do Tesouro Selic?

De fato, cada pessoa tem a sua necessidade, a sua expectativa de vida e o seu próprio nível de tolerância ao risco.

Então, o ideal seria que cada um pudesse saber quanto precisaria acumular para poder ter uma aposentadoria digna.

Como não é possível fazer uma tabela colocando todas as combinações possíveis e imagináveis, vou tratar desse assunto na palestra online que eu falei, fazendo o cálculo para as pessoas, uma a uma.

Se você tem interesse em que eu faça esse cálculo para você, usando diferentes aplicações financeiras além do Tesouro Selic, basta se inscrever clicando aqui.

Trata-se de uma palestra interativa, por isso as vagas são limitadas. Não posso garantir que no momento em que você esteja lendo isso ainda haja vagas disponíveis. Mas eu gostaria muito de receber todas as pessoas que estão realmente interessadas. Se você for uma delas, nos falamos na quinta!