Veja quatro dicas para o seu ‘eu’ profissional na internet

Fernando Scheller

28 de abril de 2011 | 14h55

Amigos, amigos, negócios à parte: Uma página no Facebook com colegas de trabalho e cliente deixa de ser meramente pessoal. Torna-se, automaticamente, uma vitrine profissional.

Pense duas vezes antes de dar uma opinião: No mundo do “tempo real”, uma opinião pode ser mal interpretada ou ter uma repercussão nunca antes imaginada. O que pode ser jocoso e engraçado para você muitas vezes será ofensivo para os outros. Portanto, cuidado tanto no Twitter quanto no Facebook ou no Orkut.

Há espiões na web: Ao ser abordado, prefira que a aproximação venha de uma consultoria. Isso porque, se a solicitação vier diretamente da empresa (ainda mais quando o contato não é do RH), pode ser uma simples maneira de descobrir o quanto seu empregador atual paga em salários e benefícios. Não seja ingênuo.

Mantenha seu perfil atualizado: No LinkedIn, não dá para esperar meses para modificar seu perfil com o novo local de trabalho. Informações em dia ajudam o trabalho dos recrutadores e evita contatos indesejados. Se você estiver apenas há três meses na companhia onde trabalha atualmente, é menos provável que alguém vá te procurar pela web.

E você? Tem outras dicas para melhorar sua imagem na internet? Compartilhe.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.