Sala do Empreendedor de Santo André gera avanço para a economia

Claudio Marques

29 de maio de 2013 | 13h55

Sala do Empreendedor formaliza empresas em apenas uma hora

 

Até a última semana, 770 empreendedores foram atendidos no espaço

 

Na Sala do Empreendedor de Santo André, o futuro empresário da cidade tem à disposição um espaço especializado para tirar dúvidas e simplificar o processo de abertura de empresas. Atualmente, já é possível formalizar um novo negócio no município no tempo médio de uma hora.

Até a última semana, 770 pessoas foram atendidas no espaço, sendo 168 somente para inscrição de autônomos. Do total de empresários, 26 procuraram a sala para abertura de MEI (Micro Empreendedor Individual) que necessitam de alvará de funcionamento, outras 97 que não precisam do documento, 13 buscaram a abertura de ME (Microempresa) e EIRELI (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada) e dois empreendedores buscaram informações para abrir uma EPP (Empresa de Pequeno Porte).

Desde a inauguração, a maioria das pessoas interessadas em abrir uma empresa na cidade buscou a Sala do Empreendedor para informações: 341, no total. Neste período, somente 51 se dirigiu até o espaço para pedir encerramento de atividades, 21 para alterações gerais nas documentações, 13 para emissão de certidões, cinco para alvará de funcionamento, um parcelamento e 30 empreendedores para outros serviços.

A Sala do Empreendedor trouxe grandes avanços para a economia da cidade. Antes da inauguração, não havia diferenciação de tratamento para formalização da empresa – seja MEI, ME, EIRELI ou EPP –, pois todas deveriam iniciar por um profissional de contabilidade devido às grandes dificuldades de informações para empreendedores. O MEI, por exemplo, foi contemplado pela LC nº 123/06 e passou a dispensar a necessidade do profissional de contabilidade.

O espaço concentrou todos os atendimentos em um único local. O que antes era feito na Praça de Atendimento em postos de trabalho diferentes (Tributos para abertura do Cadastro Municipal e Controle Urbano para Alvará de Funcionamento e Licença Sanitária), o que demandava pegar duas senhas, agora o atendimento está centralizado.

As atendentes da Sala do Empreendedor e Praça de Atendimento receberam treinamento do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequena Empresas, regional ABC), para que pudessem orientar de forma unificada os empreendedores, sobretudo com relação à documentação exigida para sua atividade.  

 

“O próximo desafio traçado para o espaço é elaborar um banco de dados dos empreendedores atendidos para formação de turmas em cursos oferecidos pelo Sebrae e demais parceiros, além da implantação de senhas eletrônicas com controle de atendimento”, explica a vice-prefeita e secretária de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Trabalho de Santo André, Oswana Fameli.

PARCEIROS – A Sala do Empreendedor de Santo André centraliza todas as informações pertinentes ao ramo de atividade escolhido, além de oferecer cursos e serviços de apoio executados por entidades representativas do segmento empresarial e governamental. Para sua implantação, a Prefeitura firmou um protocolo de parceria com a ACISA (Associação Comercial de Industrial de Santo André), o Banco do Povo Paulista, o Ciesp (Centro das Industrias do Estado de São Paulo, regional de Santo André), o Sebrae – regional ABC –, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e o Sescon ( Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Pericias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo – Regional ABC).

A Administração, juntamente com as entidades aliadas, disponibiliza serviços e treinamentos. No local, o empresário (Empreendedor Individual e Micro Pequena Empresa – MPE) tem acesso às informações referentes à emissão de alvarás, licença sanitária, cadastro fiscal mobiliário e orientação do Semasa. Recebe ainda orientações sobre os procedimentos necessários para a regularização da situação fiscal e tributária, além de acompanhar pedidos de inscrição municipal, quando a documentação simplificada exigida estiver devidamente apresentada, além de outros serviços. 

Serviço

 Sala do Empreendedor

Horário de atendimento: das 8h às 17h

Endereço: Praça IV Centenário, 1 – Térreo 1, Centro, ao Lado do Banco do Povo Paulista.

Agenda de atendimento das entidades de classe:

Segunda-feira – ACISA, das 9h às 11h  e das 14h às 16h

Quarta-feira – CIESP, das  8h às 17h

Quinta-feira – Semasa, das 8h às 17h

Sexta-feira – Sescon, das 8h20 às 11h40 e 13h40 às 16h20

 

 

 

 ABRILMAIO ATÉ DIA 21/05TOTAL
ATUALIZAÇÃO CADASTRAL

0

2

2

PARCELAMENTO

0

1

1

INCRIÇÃO DE AUTÔNOMOS

74

94

168

ABERTURA DE MEI/ COM ALVARÁ

10

16

26

ABERTURA DE MEI/ SEM ALVARÁ

53

44

97

ABERTURA DE ME OU EIRELI

11

2

13

ABERTURA EPP

1

1

2

ALTERAÇÕES GERAIS

12

9

21

ENCERRAMENTO DE ATIVIDADES

21

30

51

CERTIDÕES

6

7

13

ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO

2

3

5

DIVERSOS

8

22

30

INFORMAÇÕES

176

165

341

TOTAL

374

396

770

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

Sala do Empreendedor de Santo André

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.