Miniusinas elétricas são novo filão no mercado

O risco de apagão de energia elétrica no País a partir de 2008 criou um novo negócio: o mercado de pequenos grupos geradores, movidos a diesel, gás natural ou gasolina. São miniusinas de geração de energia elétrica, até agora usadas em ambientes industriais e comerciais, que começam a ser adaptadas para abastecer a demanda de residências. A subsidiária brasileira da Cummins Power Generation, que produz em Guarulhos unidades de produção de eletricidade movidas a diesel, acaba de lançar geradores que podem custar de R$ 1,5 mil a R$ 15 mil, dependendo da sofisticação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.