Serra, Aécio e Alckmin vão a enterro de Távola

Tucanos de destaque, como os governadores José Serra e Aécio Neves e o ex-governador Geraldo Alckmin, foram ao Rio prestar a última homenagem a Paulo Alberto Moretzsohn Monteiro de Barros, o Artur da Távola, que morreu sexta-feira, de insuficiência cardíaca, aos 72 anos. O corpo do ex-senador e escritor foi velado na Assembléia e sepultado no fim da tarde no Cemitério São João Baptista. Com lágrima nos olhos, Serra lembrou do tempo que ele e Távola passaram juntos no exílio. Aécio, também emocionado, afirmou: "É uma perda imensa, fui seu colega na Constituinte. Sentirei saudades."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.