AP
AP

ANÁLISE: 10 visões sobre a perda do grau de investimento do País

Analistas consultados pelo 'Estado' expõem causas e consequências do rebaixamento da nota de crédito do País pela agência Standard and Poor's

O Estado de S. Paulo

10 Setembro 2015 | 10h00

O Brasil perdeu o grau de investimento ao ter a nota de crédito rebaixada pela Standard and Poor's nesta quarta-feira, 9. A decisão da agência de classificação de risco se deu, segundo relatório, pelas crises política e econômica no País, somadas aos efeitos do escândalo de corrupção revelado pela Operação Lava Jato. 

Assim, o País perdeu o chamado "selo de bom pagador" e agora faz parte do grupo de países no patamar do grau especulativo - nos quais investir é um negócio de alto risco. Por isso, terá dificuldades para atrair investimento estrangeiro e obter financiamento, o que agrava ainda mais sua situação econômica. Analistas consultados pelo Estado expõem as causas e consequências da decisão da S&P. Entenda:

Mais conteúdo sobre:
Rating S&P

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.