56% dos paulistanos não darão presente de Natal

Mais da metade (56%) dos consumidores da capital paulista não pretende comprar presentes no Natal deste ano, segundo pesquisa da Toledo & Associados, encomendada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP). Entre os que pretendem presentear, a intenção é gastar perto de R$ 47 reais. A maioria (55%) avalia que este ano está pior do que 2002 por causa da inflação, perda de poder de compra e desemprego.Foram feitas 600 entrevistas com consumidores de idade superior a 16 anos de todas as classes sociais. De acordo com a pesquisa, o comércio de rua deverá ser o mais beneficiado e as roupas, brinquedos e calçados serão os presentes preferidos.Na avaliação da associação, os estímulos ao crédito podem ajudar no desempenho do comércio neste final de ano, sobretudo nos segmentos de eletrodomésticos, celulares e móveis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.