Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

A inflação permanecerá alta até final do ano, diz Fipe

O pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da USP, que é a responsável pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC), Juarez Rizzieri, disse hoje, ao analisar a alta de 2,03% na 2ª quadrissemana de novembro, que a inflação ainda deverá se manter elevada até o final do ano. Ele disse que mais da metade da inflação que aparece agora, foi causada pela alta do câmbio. "É um a bolha que enfrentamos agora. A inflação vai continuar elevada, mas não subirá muito mais". Ele disse não se recordar de uma quadrissemana tão elevada como esta. "Me lembro apenas do índice cheio de julho de 95, que foi de 3,72%. Um índíce alto, mas não me lembro de outro índice próximo aos 2%", afirmou.Rizzieri salientou que o índice também pode cair com uma definição de política monetária, cambial e assim por diante por parte do novo governo. "Imagine que hoje, mais da metade da inflação é gerada pelo câmbio. Com definições, a inflação deverá cair", concluiu Juarez Rizzieri.

Agencia Estado,

20 de novembro de 2002 | 08h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.