'A Lupo agora terá também academia'

Há tempos, a Lupo deixou de ser apenas uma fabricante de meias. Em 1995, a empresa criou a primeira loja da marca para vender em shoppings. "Naquela época, nossos produtos eram vendidos apenas em lojas multimarcas. Como nos shoppings só havia lojas de marca, decidimos criar a nossa", diz Valquírio Cabral, diretor comercial da empresa. Ele conta que hoje a Lupo tem 218 lojas franqueadas e duas próprias, e se prepara para lançar outra rede: a Lupo Sport, de roupas e meias esportivas, cuja primeira unidade será inaugurada no dia 28, na rua Oscar Freire, em São Paulo.

O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2012 | 03h07

Por que a Lupo está apostando tanto na linha esportiva?

Lançamos a linha "fitness" há dois anos e hoje ela já representa 5% de nosso faturamento, que este ano deve ficar entre R$ 720 milhões e R$ 750 milhões. No ano passado, fechamos com R$ 620 milhões. A linha esportiva é a que mais cresce.

Quantas lojas Lupo Sport vocês pretendem abrir?

A meta é chegar a 50 em dois anos. Mas também estamos inaugurando no fim de setembro a Lupo Mega Store, com academia, em Araraquara (SP), onde é a sede da empresa.

Com academia?

É. Será a Academia Lupo. Essa loja número 1, em Araraquara é o projeto piloto. Se der certo, pretendemos abrir Lupo Mega Stores como essa, com academia, em cidades de 500 mil a 1 milhão de habitantes, que são as que mais crescem hoje.

A academia será franqueada?

Sim. Mas a gestão será terceirizada. A Lupo entra com o projeto, o "know how" e o ponto comercial, que terá também a loja. A academia acaba facilitando as vendas da loja. Hoje, ninguém mais vai à ginástica com camisa de campanha política.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.