ABAL alerta para maquiagem de rolos de alumínio

A Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) solicitou ao Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) apoio para alertar consumidores e comerciantes sobre a metragem correta de rolos de alumínio, conforme estabelece a norma nº 14761, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Pela norma, existente desde dezembro de 2001, a medida mínima para o produto é 7,5 metros. Apesar disso, ainda são encontrados no mercado rolos de alumínio com metragem menor (de 4 metros e 5 metros) e com preços que podem induzir o consumidor a pensar que está pagando menos pelo produto. Segundo dados do Instituto Nielsen, no período abril/2001-julho/2002, os preços médios dos rolos de 5 e 4 metros representaram, respectivamente, 81% e 82% do preço de venda dos rolos de 7,5 metros (quadro abaixo). Além disso, estudos técnicos demonstram que os rolos de alumínio de 5 e 4 metros têm custos médios de 71,2% e 59,8%, respectivamente, comparados aos custos de fabricação do rolo de 7,5 metros. Ou seja, além de contrariar o Código de Defesa do Consumidor - sobretudo o Artigo 39, que veda às empresas a comercialização de produtos e serviços em desacordo com as normas expedidas pelos órgãos oficiais competentes ou pela ABNT - os fabricantes de rolo de alumínio de metragem menor entregam menos produto por um preço mais alto ao consumidor final. Comercialização de rolos de alumínio/ Período abril/2001 a julho/2002 Preço médio em gôndolaPreço por metro 7,5 metros R$ 1,52 R$ 0,20 5,0 metros R$ 1,24 R$ 0,25 4,0 metros R$ 1,25 R$ 0,31Fonte: AC Nielsen

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.