Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

ABCR: fluxo nas rodovias cresceu com aumento da renda

A expansão de 2,2% do fluxo de veículos nas rodovias com pedágio em maio está diretamente relacionada à renda da população, segundo a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR). O destaque no mês foi o aumento da circulação de automóveis (veículos leves), já que os pesados (caminhões) mantiveram o movimento de abril.De acordo com a analista Cláudia Oshiro, da Tendências Consultoria Integrada, que calcula o índice para a ABCR, estes indicadores refletem a renda das famílias. Ela cita o último indicador mensal de emprego do IBGE, que mostra um crescimento da massa salarial real em 5,80% nos últimos 12 meses."Além disso, a taxa de desemprego está em queda, o que eleva o otimismo do trabalhador e influencia positivamente o consumo", diz a economista, acrescentando que o crescimento no fluxo dos veículos leves mostra o dinamismo no consumo, pois este item tem uma relação direta com a renda. Segundo Cláudia, a atividade econômica continua bastante aquecida, o que gera uma expectativa otimista por parte do consumidor.Sobre a estabilidade da circulação dos veículos pesados nas estradas, a economista acredita que trata-se de uma acomodação da atividade econômica, que está em patamares elevados. Ela informa que a retração de 1,20% do fluxo dos pesados no Paraná em maio por causa da entressafra da produção agrícola também influenciou o indicador nacional. "O fluxo de veículos pesados tem sempre correlação com a produção industrial e agrícola", explica a economista da Tendências.

FRANCISCO CARLOS DE ASSIS, Agencia Estado

10 de junho de 2008 | 12h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.