Covid-19

Bill Gates tem um plano para levar a cura do coronavírus ao mundo todo

Abimaq: faturamento do setor cai 26% no 1º bimestre

O faturamento da indústria brasileira de bens de capital registrou aumento de 6,7% em fevereiro ante janeiro, para R$ 4,18 bilhões, de acordo com dados divulgados hoje pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Entretanto, na comparação com fevereiro do ano passado, o faturamento da indústria apresentou queda de 23,6%. Segundo a Abimaq, no primeiro bimestre de 2009 o faturamento da indústria de bens de capital totalizou R$ 8,09 bilhões, o que representa um recuo nominal de 25,9% ante o mesmo período do ano passado e uma queda real (descontada a inflação) de 30,8%.

CAROLINA RUHMAN, Agencia Estado

25 de março de 2009 | 14h25

Entre os segmentos, o que registrou pior desempenho no primeiro bimestre deste ano foi máquinas e equipamentos para madeira, com queda de 66,4% no faturamento nominal e 9,9% na carteira de pedidos. Em seguida ficou o segmento de máquinas-ferramentas, que teve recuo no faturamento de 57,4% e de 23,2% na carteira. O setor de válvulas industriais foi um dos poucos que tiveram desempenho positivo no bimestre, com crescimento de 18,4% do faturamento e 7,6% da carteira.

As exportações de máquinas e equipamentos somaram US$ 1,27 bilhão no primeiro bimestre, o que representa uma queda de 26,8% na comparação com o mesmo período do ano passado. Já as importações do setor somaram US$ 3,11 bilhões, uma queda de 5,1% na comparação com o primeiro bimestre do ano passado. Dessa forma, o saldo comercial da indústria ficou negativo em US$ 1,839 bilhões no primeiro bimestre.

Somente em fevereiro, as exportações totalizaram US$ 596,97 milhões, uma queda de 11,9% ante janeiro, e as importações foram de US$ 1,39 bilhão, um recuo de 19,6% ante o mês anterior.

O consumo aparente de máquinas e equipamentos, dado que representa a produção somada às importações menos as exportações, ficou em R$ 6 bilhões em fevereiro, uma queda de 5,2% sobre janeiro. Já no primeiro bimestre, esse indicador teve queda de 9,4% em relação ao mesmo período do ano passado, totalizando R$ 12,3 bilhões.

O nível de emprego na indústria de máquinas e equipamentos teve diminuição de 1,7% em fevereiro ante janeiro. Segundo a Abimaq, o setor perdeu um total de 12,178 mil empregos desde outubro de 2008, chegando ao final de fevereiro com 238,036 mil empregados.

Tudo o que sabemos sobre:
máquinasAbimaq

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.