Abimaq reclama de importação de máquinas da Vale

A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) e o Sindicato Nacional da Indústria da Construção e Reparação Naval (Sinaval) reclamaram, na reunião de ontem do Grupo de Acompanhamento da Crise (GAC), de compras feitas pela Vale na China, segundo fontes presentes no encontro. A queixa foi de uma importação de máquinas de US$ 350 milhões. Ao ouvir a ponderação de que a mineradora é uma empresa privada, o presidente da Abimaq, Luiz Aubert Neto, teria rebatido lembrando que a empresa opera sob concessão do governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.