Abiquim: importação de químicos cresce 50% este ano

A importação de produtos químicos no primeiro bimestre deste ano somou US$ 4,8 bilhões, o que representa um aumento de 50,4% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim).A categoria que liderou as importações foi de fertilizantes (bem como produtos intermediários para sua produção), com compras de US$ 1 bilhão, mais do que o dobro (125%) em relação ao primeiro bimestre de 2007.A balança comercial de produtos químicos de janeiro e fevereiro ficou deficitária em cerca de US$ 3 bilhões, alta de 84% sobre os mesmos meses de 2007.As exportações de químicos atingiram US$ 1,8 bilhão, 14,9% acima de igual período do ano passado, com destaque para resinas termoplásticas (US$ 250 milhões) e aditivos de uso industrial (US$ 159,5 milhões).Em volume, a exportação no bimestre cresceu 3,6%, para 1,6 milhão de toneladas, ao passo que as importações foram de 4,9 milhões de toneladas, um salto de 30,1% ante o primeiro bimestre de 2007.No período, os produtos químicos representaram 7% do total das exportações e 20% das importações realizadas pelo País, segundo a Abiquim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.