ABN Amro Bank lança fundo social e ambiental

O ABN Amro Bank lançará o primeiro fundo socialmente e ambientalmente responsável no Brasil. Apesar deste mercado movimentar trilhões na Europa e nos Estados Unidos, esse será o primeiro produto no Brasil essencialmente com esse foco. O gestor de renda variável para América Latina da instituição, Luiz Ribeiro, contou que a idéia é tornar a carteira disponível dentro de aproximadamente 60 dias. Segundo ele, o produto está sendo desenvolvido em parceria com o Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) e com o Instituto Ethos de Responsabilidade Social Empresarial. Ribeiro explica que a seleção para a aplicação dos recursos terá três pilares principais: responsabilidade social, responsabilidade ambiental e governança corporativa. Segundo ele, ficarão de fora do fundo companhias produtoras de fumo, ligadas a jogos ou pornografia, energia nuclear e armamentos. O gestor do ABN Amro Bank Ribeiro ressaltou que, mesmo com a seleção ética, a instituição não vai deixar de lado a sua estratégia de análise fundamentalista - que leva em conta as perspectivas de lucro da empresa e do setor onde atua -, combinando as duas metodologias. Além dos atuais analistas voltados para avaliação de investimentos e empresas, a gestão do fundo contará também com um profissional especializado neste tipo de análise.Ainda não existem previsões sobre captação ou patrimônio para a carteira. Ele acredita que inicialmente serão selecionadas entre 10 e 15 empresas. Também não há definição se o benchmark (referencial) da carteira será o Ibovespa - Índice que mede a valorização das ações mais negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ou IBX - mede o retorno de uma carteira teórica composta por 100 ações selecionadas entre as que apresentarem o maior número de negócios e volume financeiro. Ribeiro destaca que o fundo será aberto para varejo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.