Abrangência de alta no IPC-S é menor na 2ª quadrissemana

O indicador de difusão do Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) atingiu o nível de 73,24% na segunda quadrissemana do mês (últimos 30 dias terminados em 15 de maio), de acordo com o pesquisador da Fundação Getulio Vargas (FGV) Paulo Picchetti ao Broadcast, serviço de informações da Agência Estado. O resultado foi levemente menor do que o de 74,71% observado na primeira leitura do mês (últimos 30 dias encerrados em 7 de maio). Na segunda quadrissemana de abril (30 dias terminados no dia 15 do mês passado), o número havia sido de 72,06%.

FLAVIO LEONEL, Agencia Estado

16 de maio de 2014 | 13h57

A medida do indicador de difusão representa o porcentual de preços de itens em alta do IPC-S, que é coordenado por Picchetti. O índice de inflação da FGV abrange sete capitais do País: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre, Salvador e Recife. Na segunda leitura de maio, o IPC-S apresentou taxa de inflação de 0,78%, ante 0,84% verificado na primeira medição do mesmo mês. Na segunda quadrissemana de abril, o indicador da FGV havia avançado 0,86%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.