Abrasca: 67% das empresas pretendem investir mais

Segundo pesquisa semestral da Associação Brasileira das Companhias Abertas (Abrasca), 69,7% dos entrevistados vão aumentar seus investimentos no primeiro semestre de 2010, quando comparados com o último semestre de 2009. Há seis meses, apenas 36% das empresas pesquisadas previam aumento e, há um ano, eram apenas 4%. O levantamento, que contou com respostas de 35 companhias de capital aberto, mostrou também que 81,8% esperam vendas maiores neste primeiro semestre, puxadas sobretudo pela demanda interna, que deve ser maior nos primeiros meses do ano, de acordo com 84% das empresas. Pouco mais de 75% dos grupos ouvidos esperam um aumento no nível de emprego no período.

DÉBORA THOMÉ, Agencia Estado

28 Janeiro 2010 | 17h23

Em uma outra pergunta, sobre o desempenho da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), 53% dos entrevistados afirmaram que, até junho, o índice Ibovespa chegaria aos 75 mil pontos, porém, o presidente da Abrasca, Antonio Castro, acredita que esse resultado seria mais pessimista se a pergunta fosse feita hoje. "Desde a última semana, está havendo uma realização de lucros por parte dos investidores estrangeiros. Os próximos movimentos vão depender da nova safra de notícias", disse.

Mais conteúdo sobre:
Abrasca empresas Bovespa investimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.