finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Ação da Apple cai pelo terceiro pregão seguido e analistas veem ciclo de correção

As ações da Apple fecharam ontem em queda pela terceiro pregão seguido. O recuo foi de 2,55%, para US$ 572,98. Os papéis já perdem cerca de 11% sobre o recorde recente de alta, de US$ 644,00. Com isso, as ações da companhia americana entraram em território de correção, em uma inversão de tendência que pode dar início a perdas mais acentuadas.

O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2012 | 03h03

As ações da Apple, que representam 12% do peso da Nasdaq, ajudaram a conduzir a bolsa de Nova York para o vermelho, fechando em leve queda de 0,2%. "Nosso trabalho sugere que esse é apenas o começo da primeira correção significativa na Apple desde 2009", disse Richard Ross, estrategista da Auerbach Grayson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.