Ações asiáticas caem com preocupações sobre crescimento

Ativos de risco maior caíram amplamente nesta segunda-feira, puxando as ações asiáticas para baixo, ao passo que investidores mudavam o foco para fundamentos econômicos fracos enquanto monitoravam o progresso no esquema de resgate da zona do euro.

Reuters

24 de setembro de 2012 | 07h51

Às 7h31 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne mercados da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,49 por cento, com perdas de mais de 1 por cento nos setores de materiais e energia liderando a queda.

O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, e o Banco do Japão lançaram novas medidas de afrouxamento monetário nas últimas semanas, enquanto o Banco Central Europeu (BCE) adotou um plano para compra de títulos de Estados da zona do euro que solicitarem ajuda, para ajudar a diminuir seus custos de empréstimo.

Na semana passada, os mercados oscilaram entre altas devido ao fato de os bancos centrais tomarem ações à luz de economias fracas e entre quedas à medida que os investidores passaram a se focar nas fracas condições econômicas que levaram a esses planos de estímulo.

"A euforia inspirada pelo Fed e a reação a essa euforia aparentam ter percorrido seus caminhos agora, trazendo os mercados para um nível de equilíbrio de curto prazo em que os agentes de mercado buscam orientação para a próxima direção", afirmou o estrategista-chefe do Daiwa Securities, Toru Yamamoto.

O índice australiano, dependente de recursos básicos, caiu 0,52 por cento e as ações de Hong Kong tiverem realização de lucros e perderam 0,19 por cento.

O índice Nikkei do Japão recuou 0,4 por cento, para o menor nível em uma semana, ao passo que o iene valorizado somou-se a preocupações de fabricantes de automóveis e outros exportadores, que têm estado sob pressão devido à disputa territorial entre Japão e China.

A bolsa de Cingapura fechou em queda de 0,33 por cento, enquanto o mercado em Xangai valorizou-se 0,32 por cento e Taiwan avançou 0,18 por cento

(Reportagem de Chikako Mogi; reportagem adicional de Ramya Venugopal e Rujun Shen em Cingapura)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.