Ações asiáticas sofrem com ansiedade por Fed

As ações asiáticas caíram nesta quarta-feira com os mercados apostando que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, elevará suas taxas de juros antes que o esperado.

HIDEYUKI SANO, REUTERS

10 de setembro de 2014 | 07h53

Alguns papéis regionais do setor de tecnologia sofreram um impacto depois que as ações da Apple caíram à medida que o entusiasmo inicial devido ao lançamento de novos produtos, incluindo um relógio, iPhones maiores e um serviço de pagamento móvel, evaporou rapidamente.

Às 7h45 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 1,32 por cento. Caso se sustente, o recuo marcará a maior queda para o índice regional em quase seis meses.

O índice japonês Nikkei contrariou a tendência, subindo 0,25 por cento com a queda do iene e por expectativas de mais compras pelos fundos de pensão do país.

O dólar permaneceu forte depois que economistas do Fed de San Francisco chocaram os mercados ao publicarem uma pesquisa dizendo que investidores esperam elevações mais lentas nas taxas de juros do que as próprias autoridades dos EUA esperam.

"Os mercados provavelmente se tornaram muito complacentes sobre o Fed manter as taxas baixas por um longo período por causa da crise na Ucrânia e afins", disse o estrategista sênior do SMBC Nikko Securities, Makoto Noji.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.