Ações da JBS sobem após notícia sobre compra de Independência

As ações da JBS, maior processadora de carnes do mundo, subiam forte na Bovespa nesta sexta-feira, ampliando os ganhos da véspera, após notícia de que a empresa está perto de concluir a compra de ativos do frigorífico Independência.

Reuters

21 de setembro de 2012 | 16h34

Às 14h57, o papel subia 4,78 por cento, a 6,57 reais, dentre as principais altas do Ibovespa, que tinha alta de 0,37 por cento. Na máxima até o momento, a ação da JBS chegou a ser cotada a 6,62 reais.

Fontes afirmaram à Reuters na véspera que a JBS está próxima de concluir a compra de ativos do frigorífico Independência, o que permitirá que a ampliação de suas operações de bovinos em áreas com grande oferta de animais para abate.

Analistas da Ativa Corretora afirmaram, em relatório, que a notícia é positiva para a JBS, já que "a compra deverá ampliar a operação de bovinos da companhia no Brasil, segmento atualmente com maiores margens devido ao impacto da alta dos grãos sobre os custos dos segmento de aves e suínos".

Em abril, a JBS havia feito uma proposta de compra dos ativos do Independência, frigorífico em recuperação judicial, por 268 milhões de reais, condicionando a operação à aprovação dos credores.

(Por Danielle Assalve)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSJBSALTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.