Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Ações da Petrobrás avançam e garantem valorização à Bovespa

Os ganhos expressivos das ações da Petrobrás recolocaram ontem o Ibovespa no patamar de 68 mil pontos, perdido na véspera, permitindo que o índice fechasse o dia no azul. Mas a alta da Bolsa brasileira foi modesta, uma vez que a outra blue chip, Vale, seguiu com perdas, assim como os papéis do setor siderúrgico, ainda sob o efeito do aperto dos juros na China, anunciado no sábado. O Ibovespa subiu 0,35%, aos 68.040,94 pontos. Petrobrás PN avançou 2,34% e Petrobrás ON, 3,03%. Vale PNA apurou recuo de 1,63%. As ações da estatal reagiram a uma série de fatores, entre eles a valorização dos preços do petróleo no exterior e os dados favoráveis de produção de petróleo e gás em novembro. O fluxo reduzido no mercado nos últimos dias também acabou contribuindo para o desempenho, uma vez que, nesse contexto, a tendência é de migração dos recursos para os ativos mais líquidos. Em cinco pregões, os papéis da companhia de petróleo já subiram mais de 4%. As bolsas norte-americanas não serviram de inspiração para o mercado local, tendo operado com oscilações discretas, em meio a dados econômicos em direções divergentes. O índice Dow Jones registrou elevação de 0,18% , o S&P 500 teve alta de 0,08%, enquanto o Nasdaq cedeu 0,16%.

Claudia Violante, O Estado de S.Paulo

29 de dezembro de 2010 | 00h00

O dólar à vista, após seis sessões consecutivas em baixa, avançou ante o real, em linha com o comportamento registrado nas praças internacionais. No balcão, a moeda dos EUA avançou 0,12%, para R$ 1,691.

No segmento de juros futuros, as taxas terminaram o pregão com ligeiro sinal de baixa. O contrato com vencimento em janeiro de 2012 fechou em 12,13%, na mínima.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.