Ações do Google disparam na Bolsa após divulgação de lucros

As ações do Google alcançaram hoje a cotação mais alta de sua história, acima dos US$ 340, após ter divulgado ontem resultados trimestrais que bateram todas as expectativas dos analistas. Os papéis da empresa chegaram a alcançar, no índice tecnológico Nasdaq, um aumento de US$ 43 até os US$ 346,43, 14% acima do fechamento desta quinta-feira.No meio da sessão, as ações subiam U$ 37,12 (12,2%), até os US$ 340,32 dólares, alta que foi estendida ao resto das ações de empresas de Internet e de novas tecnologias.O site de busca na Internet informou ontem que seus lucros no terceiro trimestre do ano cresceram mais de sete vezes em relação ao mesmo período de 2004, muito acima do que tinham previsto os analistas. Os lucros foram de U$ 381 milhões, o equivalente a US$ 1,32 por ação, frente aos US$ 52 milhões, ou US$ 0,19, do mesmo período de 2004.Descontando gastos extraordinários, os lucros do Google subiram US$ 1,55 por título, enquanto os analistas calculavam que a empresa ganharia US$ 1,36 por ação. As receitas durante o trimestre chegaram aos US$ 1, 05 bilhão, muito acima dos US$ 944 milhões que previam os especialistas.A empresa acrescentou recentemente uma nova barra para publicidade, que aparece junto ais resultados das buscas, o que a ajudou a melhorar suas receitas e lucros. A companhia lançou, além disso, uma série de novos serviços, incluído o serviço de mensagens instantâneas com voz, que permite fazer ligações de um computador a outro.O Google concentrou 56% das consultas na Internet em agosto, acima do Yahoo, com o 21%, e do Microsoft MSN, com 11%, de acordo com a empresa ComScore.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.