finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Ações europeias fecham em queda após dados fracos da Alemanha e resultado decepcionante da LVMH

Números fracos sobre a economia alemã e o recuo das ações do grupo de bens de luxo LVMH fizeram as bolsas europeias fecharem em queda nesta sexta-feira.

SUDI, REUTERS

25 de julho de 2014 | 14h29

As ações ampliaram as perdas após a Rússia informar que a Ucrânia mirava policiais russos em bombardeios através da fronteira do leste da Ucrânia, onde forças do governo enfrentam separatistas pró-Rússia.

A notícia reforçou as preocupações dos investidores com o conflito, uma semana após 298 pessoas morrerem quando um avião malaio foi abatido no território controlado por rebeldes no leste da Ucrânia.

O papel do maior grupo de bens de luxo do mundo teve o pior desempenho do índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente. O índice caiu 0,71 por cento, a 1.372 pontos.

O índice alemão DAX foi pressionado após pesquisa do respeitado instituto Ifo mostrar que a confiança do empresariado alemão caiu à mínima em nove meses em julho.

O DAX foi pressionado após o índice de clima de negócios do centro de pesquisa Ifo, sediado em Munique, mostrar que a confiança de negócios na Alemanha caiu para o menor nível em nove meses em julho.

"Os números do Ifo foram negativos. Acredito que os mercados europeus vão recuar levemente", disse o chefe de trading do Central Markets Investment Management, Darren Courtney-Cook.

O índice francês CAC também recuou, pressionado pela queda de 6,8 por cento nos papéis da LVMH.

A LVMH divulgou na noite de quinta-feira, depois que as bolsas europeias tinham fechado, vendas e lucro no segundo trimestre abaixo das projeções do mercado.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,44 por cento, a 6.791 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,53 por cento, a 9.644 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 1,82 por cento, a 4.330 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,90 por cento, a 21.063 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,25 por cento, a 10.888 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 recuou 0,28 por cento, a 6.449 pontos.

(Reportagem de Sudip Kar-Gupta)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAEUROPAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.