Ações têm indicadores de desempenho

Existem vários indicadores que ajudam o analista a verificar a qualidade de uma ação, considerando seu desempenho passado ou as projeções de resultado futuro. O analista deve conhecer a realidade da empresa, sua gestão, o setor no qual se insere, seus planos e estratégias de investimento e crescimento, para obter indicadores mais precisos, especialmente sobre o desempenho futuro. O mais adequado é utilizar vários indicadores para melhorar a capacidade de decisão do investimento. Um dos indicadores mais modernos é o Lajida (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização). Este indicador demonstra o valor econômico dos ativos da empresa, que corresponde à soma do valor do capital da companhia a preços de mercado e seu endividamento líqüido.Outro indicador importante é a estimativa de valor presente para a ação, calculado a partir do fluxo de caixa (entradas e saídas monetárias) esperado para um determinado período de tempo. Este indicador, se bem feito, permite chegar o mais próximo possível de uma estimativa do rendimento real que será obtido com o investimento.Entre os indicadores tradicionais podemos citar o P/L (preço/lucro), que estabelece a relação entre o preço e o lucro de uma ação; o P/VPA, que é preço da ação em relação a seu valor patrimonial; e o retorno do dividendo (dividend yield, em inglês), que corresponde ao dividendo pago por ação dividido pelo último preço de mercado da ação.Confira nos links abaixo mais informações sobre os indicadores econômicos e como investir em ações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.