Acordo comercial global é possível neste ano, diz Schwab

Um novo pacto global de comércio épossível neste ano, mas ainda é muito cedo para marcar umareunião de ministros de Comércio para selar o acordo, disse naquinta-feira a representante dos EUA Susan Schwab. "Está sendo feito muito progresso em Genebra. Ainda nãochegamos lá em termos de um acordo", disse Schwab a repórteresapós discurso na Câmara de Comércio dos EUA. Mas pode haver uma decisão "no primeiro trimestre" com baseem uma série de textos revisados sobre agricultura e bensindustriais que serão divulgados em Genebra no final de janeiroou início de fevereiro, disse Schwab. "Estamos em meses críticos. Pretendemos concluir um bomacordo se for para ter um bom acordo", disse Schwab. Entretanto, ainda não está claro se é possível terprogresso suficiente nas negociações agrícolas e de bensindustriais para que se realize uma reunião ministerial nofinal de março visando concluir o acordo, como foi discutido emGenebra, afirmou Schwab. Isso vai depender se os país vão concordar em negociar combase nos textos revisados, e depois trabalhar de maneiraconstrutiva para acabar com as diferenças restantes, disse ela. Seria um erro marcar prematuramente uma reuniãoministerial, disse Schwab. (Por Doug Palmer)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.