Acordo entre Mercosul e União Européia pode sair em outubro

O Mercosul e a União Européia estão confiantes em que chegarão a um acordo de livre comércio a partir de outubro, afirmou hoje o vice-chanceler da Argentina, Martín Redrado. Depois de cinco dias de reunião entre os técnicos do comitê de negociações dos dois países, Redrado disse que "há avanços em alguns temas". "Estamos prontos para apresentar as ofertas melhoradas no dia 15 de abril", disse. Segundo ele, os dois blocos ?estão comprometidos em gerar ofertas melhoradas em todos os setores, inclusive os mais polêmicos como agrícolas, serviços e investimentos?. Sem detalhar cifras ou exemplos concretos de melhorias nas ofertas que serão apresentadas, o chefe da delegação européia, Karl Falkenberger, também demonstrou otimismo. ?Realizamos progressos substantivos em direitos humanos, na agenda política e outros pontos discutidos", afirmou. Segundo ele, a União Européia "está disposta a assumir os riscos políticos" da abertura do mercado e ele espera que os "colegas do Mercosul também estejam dispostos a tomar esses riscos".

Agencia Estado,

12 Março 2004 | 16h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.