ACSP apura que 43% dos inadimplentes usaram cheque especial

Levantamento da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) mostrou que o número de registros de pessoas inadimplentes que usaram cheque especial como meio de pagamento cresceu de 37% em setembro de 2004 para 43% em setembro de 2005.O aumento reflete a complacência do comércio em checar o perfil do emissor do cheque. No carnê, houve queda de 47% para 42%. No cartão, o número de pessoas que ficou registrado manteve-se estável em 16%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.