coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

ACSP: desemprego é o vilão da inadimplência em SP

Pesquisa da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) realizada em setembro revela 59% dos paulistanos inadimplentes citaram o desemprego como justificativa para o atraso no pagamento. Há dez anos, este porcentual era de 39%.O contingente feminino, que há dez anos representava 28% dos inadimplentes, cresceu este ano para 42%. Enquanto isso, os homens diminuíram sua participação. Em 1997, a ala masculina respondia por 72% dos débitos, caindo para 58% este ano. A pesquisa "Perfil do Inadimplente" ouviu 851 pessoas da cidade de São Paulo que estavam no cadastro de inadimplentes do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) em setembro. Cerca de 50% dos entrevistados informaram ter rendimento mensal entre R$ 700 a R$ 2 mil.

PEDRO HENRIQUE FRANÇA, Agencia Estado

19 de outubro de 2007 | 15h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.