ADR brasileiro tem baixo volume

Os operadores do mercado de ADRs em Nova York esperam uma semana mais movimentada para os papéis brasileiros. ADRs são American Depositary Receipts, recibos através dos quais ações brasileiras são negociadas em bolsas norte-americanas. Segundo os operadores, deverá haver um maior volume de negócios com os ADRs da Brahma, numa antecipação à troca pelos papéis da AmBev, que deve acontecer na próxima sexta-feira. Desde o início deste mês, o mercado de ADRs brasileiros tem registrado um baixo volume de negócios e poucas oscilações, em razão dos feriados do dia do Trabalho, nos EUA, e da Independência, no Brasil. O Índice Brasil, apurado pelo Bank of New York e que engloba os ADRs de companhias brasileiras listadas na Bolsa de Nova York e na Nasdaq, recuou 2,36% na semana passada, na comparação com o fechamento do dia 10. No período de um mês, a performance dos ADRs brasileiros, medida pelo Índice Brasil, é negativa em 1,03%. O índice América Latina apresenta queda de apenas 0,31% em setembro, mas registra alta de 2,10% no período de um mês. O Índice BNY (Bank of New York), que engloba os ADRs de todos os países nas bolsas norte-americanas, apresenta forte queda em setembro (-4,69%), mas está praticamente estável (+0,02%) no mês. Petrobras é o foco dos investidoresA Petrobras tornou-se a grande estrela dos ADRs brasileiros negociados nas bolsas norte-americanas. Desde o seu lançamento, no dia 10 de agosto do mês passado, o papel da empresa vem tendo uma valorização bem acima da média dos outros ADRs brasileiros. Do dia 1 ao dia 8 deste mês, por exemplo, o Índice Brasil apurado pelo Bank of New York apresentou uma queda de 2,36%. Já o ADR da Petrobras foi negociado a US$ 31,1875 no dia 1º e, ontem, o papel fechou a US$ 33,321, ou alta de 6,8%.Segundo operadores, a alta nos últimos dias com o ADR da Petrobras estava ligada à expectativa da reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que definiu aumento de produção no domingo passado de 800 mil barris diários. Em setembro, o papel da Petrobras tem tido um giro diário de 1,3 milhão de ADRs na Bolsa de Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.