Aftosa: missão avaliará ações contra doença no MS

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Mato Grosso do Sul (Famasul), Ademar Silva Júnior, afirmou nesta sexta-feira que uma missão da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) deve vir ao Brasil antes do mês de maio, quando acontece a reunião do organismo internacional. "Uma missão da OIE deve vir antes da reunião de maio para verificar se as ações de prevenção contra a febre aftosa estão sendo feitas", explicou. Nesta semana, os pecuaristas do Mato Grosso do Sul apresentaram pedido formal para que a OIE reconsidere o Estado como área livre de febre aftosa com vacinação. O status foi perdido em outubro de 2005, quando foram diagnosticados focos de febre aftosa no rebanho local. Uma resposta definitiva da OIE será dada em maio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.