Agência de publicidade tem aumento de receita de até 40%

A Eugênio, que se especializou no mercado imobiliário, já aumentou em 30% o número de empregados

O Estadao de S.Paulo

22 de dezembro de 2007 | 00h00

Com a expansão do setor imobiliário, cresceu também a necessidade de construtoras e incorporadoras de criar formas eficientes de divulgação dos produtos. Por causa disso, a agência Eugênio, há quase 18 anos no mercado, decidiu se reposicionar: desde 2006 passou a atender apenas empresas do setor imobiliário.Para dar conta de atender ao aumento da demanda, o número de funcionários da agência subiu de 100 para 130. Além disso, a empresa também precisou abrir escritórios em outras cidades, como Rio, Salvador, Brasília e Porto Alegre.A sede em São Paulo, contudo, ficou pequena para abrigar tantos empregados novos. "Vamos nos mudar em fevereiro. Hoje, não temos nem mil m² de área. Vamos para um espaço com 1,8 mil m²", disse o vice-presidente de criação da agência, Carlos Valladão.A empresa, que desenvolve peças publicitárias, comerciais para rádio e televisão, anúncios e estratégias de marketing para as companhias do setor imobiliário, tem registrado um faturamento entre 30% e 40% superior em 2007, na comparação com o ano anterior. "Sempre atuamos com clientes do setor imobiliário, mas com o crescimento do mercado decidimos nos dedicar exclusivamente a ele. Os resultados estão sendo excelentes", comemorou Valladão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.