Agência vê ?vácuo político? na Argentina

A solução para a moratória da dívida Argentina deve incluir uma nova rodada de medidas econômicas, as quais sinalizem a adoção de uma estrutura sustentável e crível, diz relatório divulgado nesta segunda-feira pela agência de classificação de risco Standard & Poor´s.O estudo, que analisa a crise financeira do país, prevê que a reestruturação da dívida argentina será extremamente complicada e que, na melhor das hipóteses, vários meses se passarão até que as negociações entre a Argentina e seus credores sejam concluídas.A agência diz que a solução para o atual vácuo político é essencial para as negociações da dívida do país.Segundo o relatório, a classe política caiu em completo descrédito e sua capacidade de implementar políticas econômicas sérias com sucesso está corroída."Embora possa ser uma tarefa difícil no momento, a Argentina precisa estar pronta para articular e implementar uma estratégia de recuperação econômica crível, a fim de facilitar a rápida negociação entre o país e seus investidores", disse Bruno Boccara, responsável pelo estudo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.