Agências rating confirmam nota máxima da EFSF

As três principais agências de avaliação de risco - Standard & Poor''s, Moody''s Investors Service e a Fitch - confirmaram os ratings AAA da Linha de Estabilidade Financeira Europeia (EFSF, na sigla em inglês), o fundo de resgate europeu. O nível mais elevado dos ratings foi reiterado com base nas emendas decididas em julho e que entraram em vigor no dia 18 de outubro, elevando a capacidade de empréstimos do fundo para 440 bilhões de euros (US$ 622 bilhões), com um comprometimento garantido de 780 bilhões de euros, informou a EFSF em um comunicado.

AE, Agencia Estado

29 de outubro de 2011 | 09h28

As três agências reiteraram o melhor rating possível, o que significa AAA na escala da S&P e Fitch e PAaa da Moody''s, observou o comunicado divulgado dois dias após os líderes da União Europeia anunciarem, após uma maratona de negociações, um plano complexo para controlar a crise do endividamento grego e fortalecer os bancos da União Europeia.

O rating de curto prazo da EFSF também foi fixado no nível mais alto das respectivas escalas das agências - A-1+ na S&P, (P)P-1 na Moody''s e F1+ na Fitch, observa o comunicado. "A confirmação dos rating de crédito no grau mais alto possível mostra a confiança na estratégia da zona do euro em restaurar a estabilidade financeira", disse, o executivo-chefe da EFSF, Klaus Regling.

A S&P, ao reiterar o rating AAA na sexta-feira, informou que a fixação de uma perspectiva estável reflete a probabilidade "quase certa" de que os governos da UE vão respaldar a EFSF no caso de um evento de tensão financeira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EuropacriseEFSF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.