AGEs de reestruturação da CRT, Telesp e Sadia

A última semana do ano conta com três assembléias gerais extraordinárias que devem aprovar a reestruturação de companhias de peso na Bovespa. Para hoje, está programada Assembléia Geral Extraordinária (AGE) da Telesp em que será votada a incorporação da Centrais Telefônicas de Ribeirão Preto (Ceterp), mediante permuta de ações. Cada ação da Ceterp será trocada por 0,33513538 ação da Telesp. Os acionistas da Ceterp que quiserem se retirar da companhia têm prazo de 30 dias para comunicar sua decisão a contar da ata das assembléias gerais que aprovarem a incorporação. Outra opção para os acionistas da Ceterp é vender suas ações ao controlador por R$ 14,26.Na quinta-feira (28), os acionistas da Companhia Riograndense de Telecomunicações (CRT) devem votar a proposta de incorporação da empresa gaúcha à Brasil Telecom. Pela relação de troca, cada ação ordinária (On, com direito a voto) da CRT dará direito a 48,56495196 ações ordinárias da Brasil Telecom. Da mesma forma, cada ação preferencial (PN, sem direito a voto) da CRT dará direito a 48,56495196 ações preferenciais da Brasil Telecom. Na sexta-feira, haverá AGE da Sadia, para aprovar a declaração de extinção da companhia, tendo em vista sua incorporação pela Sadia Alimentos S.A.. segundo a empresa, o processo tem por objetivo aproveitar o crédito fiscal da Granja Rezende, adquirida por R$ 130 milhões em 28 de dezembro de 1999. Não haverá alteração no controle da companhia. A Sadia Alimentos é uma subsidiária integral não operacional da Sadia. O crédito fiscal detido pela Rezende é de R$ 37 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.