AIE aumenta previsão para demanda mundial de petróleo

A Agência Internacional de Energia (AIE) revisou para cima, pelo terceiro mês consecutivo, sua previsão para a demanda mundial de petróleo, citando um avanço econômico mais forte do que o esperado nas economias em crescimento da Ásia e da América do Norte. A entidade agora prevê que, tanto em 2009 como em 2010, a demanda mundial de petróleo ficará 500 mil barris diários acima de sua estimativa anterior, em 84,4 milhões de barris por dia e 85,7 milhões de barris por dia, respectivamente. Apesar do aumento, o consumo projetado de petróleo neste ano ainda estará 1,9 milhão de barris abaixo do registrado no ano passado, uma queda de 2,2%.

HÉLIO BARBOZA, Agencia Estado

10 de setembro de 2009 | 07h22

"Os prognósticos econômicos da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI) estão sendo revisados para cima, enquanto o nível de demanda de petróleo nos Estados Unidos, na China e em outros países da Ásia parece estar mais forte do que as estimativas preliminares sugeriam", afirmou a organização sediada em Paris, em seu relatório mensal. A Agência alertou, porém, que a demanda dos países ricos deve ficar fraca no restante do ano e que a real extensão da recuperação da demanda chinesa é obscurecida pela enorme formação de estoques. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
energiapetróleodemanda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.