Ajuste de preço faz Telesp subir

Nessa semana, o preço das ações da Telesp e Tele Sudeste Celular apresentaram fortes quedas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A exceção foi quarta-feira, quando registraram altas de 8,29% e 26,34%, respectivamente, no caso das ações preferenciais (PN, sem direito a voto). Alguns operadores justificaram a alta por uma possível ampliação do prazo de troca das ações, que não foi confirmado no final do dia. Hoje a ação preferencial da Telesp fechou em R$ 34,20, uma alta de 2,09%. No caso das ordinárias (ON, sem direito a voto) a alta foi de 5,68%, fechando em R$ 20,09. A Tele Sudeste Celular não acompanhou a alta. As preferenciais encerraram o pregão cotadas em R$ 11,10, uma queda de 7,50%. No caso das ordinárias, a queda foi de 1,43%, vendidas a R$ 5,51.Júlio Ziegelmann, diretor de renda variável da BankBoston Asset Management, esperava uma queda maior no caso das ações da Telesp. Com o final do prazo para a troca dos papéis dessas empresas por Brazilian Deposity Receipts (BDRs) da Telefónica de Espanha, o executivo acredita que os ativos fiquem muito desvalorizados na próxima semana.Isso porque existe a possibilidade de saída dessas ações do Ibovespa - Índice que mede a valorização dos papéis de empresas mais negociadas na Bovespa. Esse cenário vai se confirmar se houver uma adesão de mais de 90% das ações disponíveis para negociação, ou seja, aquelas que foram depositadas em custódia nas Bolsas. Alta da Telesp hoje foi apenas um ajuste de preços O analista de telecomunicações do Banco Brascan, Jair Santiago, acredita que as oscilações dos papéis preferenciais da Telesp hoje - entre R$ 35,80 e R$ 32,70 - representam apenas um movimento normal de investidores comprando ações em baixa. "O valor do ativo caiu muito na segunda quinzena de junho e vários investidores aproveitaram a oportunidade, apesar do risco de uma queda maior na próxima semana", explica.O diretor de renda variável do BNP Asset Management, Nicolas Balafas, concorda com Santiago. Ele cita os números: "No dia 14 de junho, o valor da ação estava em R$ 50,20, uma queda de 31,87% em relação ao fechamento de hoje". Balafas chega a afirmar que alguns fundos de ações passivos mais agressivos podem ter aumentado o volume de Telesp em carteira hoje, apostando que a participação do papel no Ibovespa não deve ficar tão reduzida. . Perspectivas para a próxima semana A expectativa para a as ações da Telesp na próxima semana vai depender do resultado de troca de ações por BDRs. Caso a adesão seja alta, a participação das ações da empresa no Ibovespa tende a ficar bem reduzida, podendo sair do índice caso a troca seja superior a 90%.Diante disso, os fundos de ações passivos tendem a vender seus papéis em carteira no início da próxima semana. Como são fundos atrelados ao Ibovespa, regra geral, têm em carteira os papéis que compõem o Índice. Com a redução de Telesp, eles devem seguir o mesmo movimento. É o caso do fundo de ações passivo do BNP Asset Management. "Decidimos manter os papéis e verificar o cenário na próxima semana para adotar uma estratégia. Caso o papel saia do Índice, teremos que vender", explica Balafas. Mesmo os investidores que não optaram pela troca das ações por BDRs podem adotar essa estratégia. Isso porque os papéis devem perder liquidez - facilidade de negociação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.