finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Alcatel divulga alta nos lucros, mas reduz previsão

A francesa Alcatel, segundo maior conglomerado de telecomunicações da Europa, informou, em Paris, que obteve lucro líquido de 426 mi de euros (US$ 396,22 mi) no quarto trimestre de 2000, um resultado 26% superior ao lucro de 338 mi de euros apurado no mesmo período de 1999. As vendas da empresa no último trimestre de 2000 totalizaram 9,69 bi de euros, de 7,67 bi de euros em igual exercício de 1999. Com os números do quarto trimestre, a empresa fechou o ano passado com lucro de 1,32 bi de euros (US$ 1,22 bi), 106% superior ao ganho de 644 milhões de euros do ano anterior. No ano passado, o faturamento da companhia foi de 31,41 bi de euros, correspondendo a uma expansão de 36% sobre os US$ 23,02 bi de euros do ano anterior. Apesar de ter conseguido atingir as metas em 2000, a Alcatel reduziu suas estimativas para 2001, afirmando que o crescimento do faturamento de suas divisões de telecomunicações deverá ficar entre 20% e 25% neste ano, abaixo da previsão anterior de expansão de 25%. O lucro por ação deverá aumentar entre 30% e 40% em 2001, comparado com um ganho de 74% no ano passado. O grupo afirmou que o rebaixamento de suas estimativas deveu-se ao esfriamento da atividade nos EUA, que deve durar todo o primeiro semestre. Os EUA respondem por 23% do faturamento total da Alcatel. As informações são da agência Dow Jones.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2001 | 09h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.