Alckmin critica elevação da contribuição previdenciária

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, criticou hoje a proposta apresentada ontem pelo governo de elevar em três pontos porcentuais os valores pagos por empresas e trabalhadores ao INSS. "É um péssimo caminho, é a pior solução", disse Alckmin. Segundo ele, querer aumentar a contribuição dos trabalhadores é onerar quem já está com renda e onerar também a contribuição empresarial é uma péssima solução, pois vai desestimular a geração de novos empregos. De acordo com Alckmin, no momento, é fundamental desonerar os salários para que sejam abertos novos postos de trabalho. O governador participa, na manhã de hoje, da cerimônia das novas instalações do 2º Distrito Policial, em Barueri, em São Paulo. O secretário de Segurança, Saulo de Abreu, também presente ao evento, foi recebido no local com faixas de boas-vindas.

Agencia Estado,

19 Março 2004 | 13h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.