Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Alckmin parcela em duas vezes o recolhimento de ICMS incidente sobre vendas de Natal

De acordo com a medida, os lojistas poderão pagar 50% do imposto referentes às vendas de Natal no mês de janeiro e a segunda metade em fevereiro de 2018

Francisco Carlos de Assis, O Estado de S.Paulo

23 de dezembro de 2017 | 13h19

Decisão tomada ontem pelo governador Geraldo Alckmin, publicada na edição deste sábado (23) do Diário Oficial do Estado, trará um alívio para o caixa do comércio varejista paulista no começo de 2018.

Decreto assinado pelo governador autoriza a Secretaria da Fazenda a recolher em duas em duas vezes o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) das vendas do varejo agora em dezembro.

De acordo com a medida, os lojistas poderão pagar 50% do imposto referentes às vendas de Natal no mês de janeiro e a segunda metade em fevereiro de 2018. A medida, segundo nota divulgada pelo governo paulista, "facilita o recolhimento do ICMS para os contribuintes e representa um reforço no fluxo de caixa para os varejistas no início do ano, período de queda sazonal no movimento do setor". 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.