Alcoa e sindicato nos EUA acertam acordo provisório

A Alcoa disse que chegou a um acordo provisório sobre um novo contrato de trabalho de cinco anos com funcionários sindicalizados em 10 siderúrgicas dos Estados Unidos pouco antes do término do contrato de trabalho anterior.

Reuters

16 de maio de 2014 | 09h42

A Alcoa e o sindicato United Steelworkers (USW, na sigla em inglês) não deram detalhes sobre o acordo em seus sites.

O USW, que representa cerca de 6.100 trabalhadores da Alcoa nos Estados Unidos, disse que informará os detalhes do acordo e programará votos de ratificação com sindicatos locais em todas as 10 instalações.

As negociações, que começaram em Pittsburgh em abril, chegam em um momento em que a Alcoa tem cortado a capacidade em suas fundições para conter um crescente excedente de alumínio que tem pressionado os preços e tornado um grande número de usinas não competitivas.

Por Supriya Kurane

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAALCOASINDICATOEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.