Alemã Benckiser deve comprar a Peet's Coffee por U$1 bi

A empresa Peet's Coffee & Tea Inc disse nesta segunda-feira que firmou um acordo para ser adquirida pela Joh. A. Benckiser por cerca de 1 bilhão de dólares, uma jogada que vai dar um impulso financeiro para a Peet's, que concorre com grandes empresas de chá e café, e que deve ampliar o alcance da família Reimann, da Alemanha, nos negócios do café.

JESSICA WOHL, Reuters

23 de julho de 2012 | 17h09

O preço de oferta de 73,70 dólares por ação representa um prêmio de quase 29 por cento sobre o valor das ações da Peet's em 20 de julho, quando fecharam cotadas a 57,16 dólares.

Ações da Peet's estavam sendo negociadas a 73,70 dólares, valor acima do preço de oferta, após atingir alta de 74,25 dólares no pregão matinal da Nasdaq.

A Peet's, especializada em café e chás, foi fundada em 1966, e compete com cadeias como a Starbucks Corp, gigante do café de Seattle, que foi proprietária da Peet's durante alguns anos na década de 1980.

A Joh. A. Benckiser, instrumento de investimentos da família Reimann, da Alemanha, detém participações em empresas como a fabricante de produtos domésticos Reckitt Benckiser Plc, e a empresa de fragrâncias e cosméticos, Coty Inc.

A Benckiser declarou uma forte inclinação para negócios com café no início deste mês, quando afirmou que pode aumentar a sua participação minoritária na D E Master Blenders 1753 NV, braço de negócios em café da empresa Douwe Egberts, derivada da Sara Lee Corp., e listada em Amsterdã.

Além da Benckiser, a BDT Capital está participando do negócio da Peet's como conselheira e investidora minoritária. Com sede em Chicago, a BDT foi fundada por Byron Trott, conselheiro de longa data do investidor bilionário Warren Buffett.

O acordo deverá ser finalizado em cerca de três meses e não estará sujeito a condições de financiamento, afirmaram as partes.

Uma vez concluído o acordo, a Peet's se tornará uma empresa privada, e continuará a com sua atual gerência. A Peet's permanecerá baseada na região da Baía de São Francisco, com sede em Emeryville, na Califórnia.

FUNDADA EM 1966

A Peet's foi fundada pelo imigrante holandês, Alfred Peet em 1966.

De acordo com a empresa, Alfred treinou os fundadores da cadeia de cafeterias Starbucks, e foi fornecedor de grãos de café da primeira loja da cadeia em 1971.

O holandês se aposentou em 1983 e, um ano mais tarde, a Starbucks comprou a Peet's, além das quatro lojas da empresa, situadas na região da Baía de São Francisco.

Em 1987, Jerry Baldwin, um dos co-fundadores da Starbucks, e outros venderam a cadeia, e Baldwin manteve a Peet's, onde é membro do conselho desde 1971. Jerry foi CEO da empresa de 1971 a 1994, e presidente da mesma de 1994 a 2001.

A Peet's abriu seu capital em 2001, e tem a maior parte de suas lojas na Califórnia, juntamente com localizações no Colorado, em Illinois, Massachusetts, Oregon e Washington. Seu café é vendido também em milhares de mercearias.

O Citigroup está agindo como consultor financeiro exclusivo da empresa sobre o negócio, e entregou pareceres imparciais à diretoria da empresa. Cooley LLP está atuando como consultor jurídico da Peet's.

As empresas Skadden, Arps, Slate, Meagher & Flom LLP estão atuando como assessores jurídicos da Joh. A. Benckiser., e o Morgan Stanley & Co LLC e a BDT & Co. estão atuando como seus consultores financeiros.

(Reportagem adicional de David Jones em Londres)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSCAFEBENCKISER*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.