Alemanha ainda não decidirá sobre ajuda à Grécia em 2011 e 2012

Documento prevê auxílio de € 8,3 bilhões em um primeiro momento, mas não detalha plano para os próximos anos

Danielle Chaves, da Agência Estado,

30 de abril de 2010 | 14h36

O gabinete do governo da Alemanha ainda não vai tomar uma decisão sobre um plano de ajuda para a Grécia em 2011 e 2012, mas apenas neste ano em um primeiro momento, de acordo com um documento prévio visto pela agência Dow Jones nesta sexta-feira. O documento prevê que a Alemanha fornecerá 8,38 bilhões de euros à Grécia "no primeiro ano".

De acordo com um documento anterior, preparado pelo Ministério de Finanças alemão e visto pela Dow Jones nesta semana, o governo do país pretendia obter aprovação do Parlamento para uma ajuda à Grécia não apenas neste ano, mas também nos próximos dois anos. O valor da ajuda adicional não havia sido especificado.

O banco estatal KfW vai fornecer o crédito correspondente à fatia alemã no pacote de ajuda dos países da zona do euro para a Grécia, de acordo com o documento visto hoje. O KfW precisa de garantias do governo alemão para isso, segundo o documento.

O governo da Alemanha prevê baixa probabilidade de um default no empréstimo e não espera que haja custos para o Estado. O governo também não acredita que a ajuda à Grécia terá efeito sobre os preços ao consumidor. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
GréciaAlemanhaajuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.