Alemanha contribuiria com 20% em pacote de ajuda à Grécia, diz jornal

Países da zona do euro estariam preparando plano de até US$ 34 bilhões 

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

22 de fevereiro de 2010 | 09h48

Apesar das negações do governo da Alemanha, as informações de que o país contribuiria com 20% em um pacote de ajuda financeira à Grécia continuam se espalhando na imprensa alemã. Nesta segunda-feira, 22, o jornal Financial Times Deutschland reportou detalhes de uma suposta operação semelhantes aos divulgados no final de semana em edição antecipada desta segunda-feira da revista semanal Der Spiegel.

 

Segundo as informações, os países da zona do euro estariam preparando um pacote de ajuda de 20 bilhões de euros a 25 bilhões de euros para a Grécia, com participação alemã de 4 bilhões de euros a 5 bilhões de euros (20%). O FTD acrescenta, no entanto, que as informações constam de um memorando interno do governo, descrevendo os riscos aos bancos alemães de uma ampliação da crise grega.

 

O Ministério das Finanças da Alemanha negou ontem as informações do Der Spiegel. Nesta segunda-feira, o porta-voz do ministério, Martin Kreienbaum, reiterou que o governo alemão não tomou qualquer decisão sobre um pacote de ajuda à Grécia, incluindo qualquer forma específica de ajuda ou montante. O ministério afirmou ainda esperar que a Grécia possa refinanciar sua dívida em março.

 

O FTD e o Der Spiegel disseram que os recursos para participação da Alemanha no pacote seriam provenientes do banco estatal KfW e do fundo de resgate aos bancos Soffin. As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
Alemanha, pacote, ajuda, Grécia, FTD

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.