Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Alemanha diz que estoques de petróleo não precisam ser liberados já

Segundo o porta-voz do Ministério da Economia, isso seria uma opção apenas no caso de interrupção de oferta

Patrícia Braga, Agência Estado

20 de março de 2012 | 15h21

FRANKFURT - A Alemanha não vê atualmente necessidade de liberar estoques estratégicos de petróleo, afirmando que isso seria uma opção apenas no caso de interrupção de oferta. "A liberação dos estoques estratégicos não está na agenda neste momento", afirmou o porta-voz do Ministério da Economia.

Os comentários fazem eco aos comentários feitos por autoridades da União Europeia na sexta-feira e que afirmam que a liberação das reservas não estava nos planos no momento.

A União Europeia concordou em vetar as importações do Irã a partir de primeiro de julho para pressionar o país em relação ao seu programa nuclear.

O primeiro ministro David Cameron e o presidente dos EUA Barack Obama concordaram na semana passada em manter abertas as discussões sobre a possibilidade de liberar o petróleo das reservas de emergência, que foram usadas no passado para reduzir os preços ou para compensar interrupção na oferta. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
PetróleoUEIrãEstoques estratégicos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • O Pix é seguro? Veja dicas de especialistas sobre o sistema de pagamentos
  • 13º salário: quem tem direito, datas e como a pandemia pode afetar o cálculo
  • Renda básica: o que é, quais os objetivos e efeitos e onde é aplicada

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.